DEX - Como Funcionam

January 20, 2018

 

Ao finalizar de ler este artigo sobre as DEXs, você saberá o que elas são e um terá conhecimento de como funciona o matching-engine (casamento de ordens) dentro delas.

 

É fundamental entender como funciona a dinâmica do fluxo de ordens em exchanges centralizadas e descentralizadas, tendo esse conhecimento, é possível aproveitar muitas ineficiências que o mercado nos oferece e fazer um dinheiro em cima disso.

 

 

 

 

 

 

O que significa DEX?

 

DEX significa Decentralised Exchange, ou seja, Exchange/Bolsa Descentralizada. Desde 2011, dezenas de exchanges centralizadas de criptomoedas foram hackeadas - sendo que esta lista aumenta todos os meses. As perdas combinadas chegam a bilhões de dólares.

 

Exchanges centralizadas  costumam manter os clientes no escuro, deixando ninguém responsável quando ocorre algo errado. É equivalente a entregar as chaves do sua moto a um desconhecido e pedir para o mesmo estacioná-la para você. Uma vez que a exchange tem as chaves privadas, você não tem controle sobre seu dinheiro, nem transparência e garantias.

 

Ao mesmo tempo, muitas exchanges são alvos de ataques governamentais, sejam proibindo a sua operação, fechando suas contas bancárias e ameaçando seus donos e funcionários.

 

Seja por causa de hackers, seja por causa dos governos, exchanges são constantemente alvo de ataques. Além disso os próprios donos/ funcionários podem ter má índole e furtar o dinheiro de seus usuários.

 

Para resolver esse problemas, nasceram as DEXs.

 

Nas DEX, os servidores não estão centralizados em nenhum lugar, dessa forma, não existe uma forma de derrubar a DEX derrubando um servidor, elas também não mantém o dinheiro de seus usuários, dessa forma, isso dificulta ataques hackers.

 

Abaixo segue uma análise resumida sobre algumas das principais DEX e seu funcionamento:

 

 

 

 

Execução on-chain e market making automatizado.

 

A Bancor não trabalha como uma exchange, embora a plataforma forneça alguns dos mesmos serviços delas, como a descoberta de preços e um mecanismo de liquidez.

 

A descoberta (formação) de preços é o processo de determinação do preço de um ativo no mercado através de interações entre compradores e vendedores. Liquidez refere-se à facilidade com que um bem pode ser comprado ou vendido em um mercado. A Bancor quer resolver o desafio de fornecer descoberta de preços e liquidez, sem exigir altos níveis de atividade comercial (volume) como serviços tradicionais.

 

O protocolo Bancor é um protocolo de troca de token baseado em contrato inteligente. O contrato inteligente é chamado de "Token Inteligente" e este contrato, também conforme ao padrão de token ERC20, armazena os saldos da reserva ERC20 tokens / Ether e tem lógica para permitir atualizações constantes aos preços e permitir trocas de token.

 

Para trocar um token por este sistema, existem duas etapas. O primeiro passo é comprar o token inteligente com o token de reserva de venda. O segundo passo é liquidar o token inteligente para liberar o token que deseja manter.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

1. Taker finds contract (smart token) and purchase reserve token;

2. Taker sells reserve token for desired token.

 

 

 

Multi off-chain order books com execução on-chain.

 

0x se comercializa como um protocolo para negociar tokens ERC20 que especifica uma ordem fora da cadeia com liquidação na cadeia. O componente fora da cadeia, chamado "relayer", lida com o armazenamento e atualização de um livro de ofertas sem executar nenhum trade. Semelhante a uma troca tradicional, tanto compradores quanto vendedores podem enviar seus pedidos. No entanto, uma vez que um relayer não está combinando automaticamente pedidos, cabe ao price taker acessar um relayer que tenha uma ordem de um price maker correspondente e, em seguida, preencha a ordem do price maker.

 

O preenchimento da ordem é onde o componente de liquidação na cadeia vem em que ponto os compradores precisarão enviar suas ordens para o contrato de troca da 0x. Além disso, a 0x fornece um esquema para fazer ordens ponto-a-ponto se um price taker já conhece um price maker com o qual eles gostariam de negociar.

 

Um usuário pode interagir com o protocolo 0x como maker ou taker. Os makers publicam uma ordem para um relayer, enquanto os taker enviam a ordem para a Ethereum blockchain. A formação de preços ocorre através de seus relayers e os takers podem escolher a ordem do maker com a qual eles gostariam de trocar.

 

O contrato inteligente executa a troca entre os tokens ERC20.

 

 

 


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Workflow for 0x token exchange:

1. Maker posts a signed order to Relayer,

2. Taker queries the Relayer

3. Taker selects an order to match,

4. Taker submits order to exchange via smart contract

 

 

 

KyberNetwork é um protocolo on-chain que permite serviços instantâneos de negociação e pagamento.

 

A KyberNetwork fornece liquidez instantânea sem a necessidade de confiar na plataforma, porque a maior parte do produto é baseada em contratos inteligentes. A plataforma é capaz de fornecer liquidez instantânea aos price takers, que têm a oportunidade de verificar a taxa de troca antes de enviar seus tokens .

 

Como contrapartes para os price takers, a KyberNetworks também gerencia vários price makers, conhecidos como KyberReserveEntities e contribuidores token. KyberReserveEntites atua como os criadores de mercado na medida em que inicialmente submetem sua taxa de troca proposta com alguma quantidade de reserva. O KyberReserveEntities não está servindo um usuário específico, mas sim a KyberNetwork, que é responsável pelo casamento de ordem e a determinação de se um usuário e a KyberReserveEntitiy devem trocar.

 

Não existe um livro de ofertas que o price taker possa ver. Em vez disso, a KyberNetwork gerencia os price makers e irá lidar com o casamento de ordens, escolhendo o melhor preço através da lista de price makers.

 

Os price makers precisam estar cadastrados na KyberNetwork para listar pares de tokens e fazer atualizações nas taxas de troca. Os fundos para os market makers são armazenados em contratos de reserva e não na KyberNetwork.

 

Workflow for Kyber token exchange:

 

1. Makers post their exchange rates and size information to a smart contract;

2. Takers query this smart contract for instant exchange;

3. Exchange update occurs notifying both maker and taker.

 

 

 

AirSwap é uma plataforma descentralizada que implementa o protocolo Swap, um protocolo peer-to-peer para negociação de tokens Ethereum-based (ERC20).

 

O AirSwap não contém um order book tradicional, mas, em vez disso, os indivíduos solicitam as cotações um do outro de uma maneira ponto-a-ponto através de negociação off-chain. A descoberta da contraparte é feita através de um componente "indexador". O Indexer contém informações sobre quais indivíduos de pares de token gostariam de trocar. Os usuários podem publicar e consultar o Indexer para encontrar as contrapartes adequadas.

 

Com o AirSwap, você pode interagir como market maker ou como price taker. O price taler iniciará a negociação com o price maker. Além disso, o taker envia uma ordem ao contrato inteligente de troca de AirSwap na cadeia de blocos Ethereum. O maker está respondendo aos pedidos dos takers e negociando preços com eles off-chain.

 

 

 

Workflow for AirSwap token exchange:

 

1. Maker posts a token pair as “intent to trade”;

 

2. Taker queries the indexer for token pair;

 

3. Taker fetches counterparty from Maker;

 

4–5: Maker and Taker directly negotiate a suitable trade;

 

6. Taker submits order to smart contract for execution.

 

 

 

Em suma:

 

Cada projeto utilizou abordagens diferentes sobre como os tokens da Ethereum e Ethers podem ser trocados. Em todos os casos, a troca real de tokens baseados em Ethereum ocorre dentro de um contrato inteligente e depende da rede Ethereum para fazer a troca. Para 0x e AirSwap, os usuários mantêm o controle de seus fundos porque trocas de tokens ocorrem diretamente entre as duas partes sem ter que ser realizada com um intermediário. Com projetos como o Bancor e a Kyber, a comercialização é feita através de um contrato inteligente que permite o trade imediato entre os usuários.

 

Os usuários individuais devem ter o preço de troca calculado através do contrato inteligente. 0x tem vários book de ofertas onde os usuários podem encontrar pedidos existentes para trocar ou publicar um pedido e confiar um no outro para casar uma ordem… Já a AirSwap construiu um mecanismo de descoberta de contraparte chamado de indexador, e a partir daí, a descoberta de preços ocorre através da negociação.

 

Tal como em qualquer exchange, seja centralizada ou descentralizada, o valor delas virão da confiança dos consumidores, do uso e da capacidade do sistema permanecer robusto e relevante em um mercado em constante evolução.

 

Os trades descentralizados, como os acima mencionados, são posicionados de forma exclusiva para poder atender a esses critérios. Com a AirSwap, eles decidiram se concentrar unicamente em peer-to-peer, e estão abordando diretamente dois problemas que ocorrem em um ambiente de trading peer-to-peer - descoberta de contraparte e sugestões de preços - em uma plataforma globalmente escalável.

 

 

Te esperamos no próximo artigo!

 

Um forte abraço!

 

Leandro Lima e Edson Beux


 

Adaptado de:

https://blog.airswap.io/the-lay-of-the-land-in-decentralized-exchange-protocols-55ed00feb3df

 

Mais informações:

https://www.airswap.io/

https://kyber.network/

https://www.bancor.network/


 

Share on Facebook
Please reload

Toda e qualquer tomada de decisão para compra e venda de ativos no Mercado de Capitais e/ou Mercado de Criptomoedas envolve riscos e é de total responsabilidade do próprio investidor. Copyright © 2018 | 300 Traders Cursos Ltda | CNPJ nº 29.678.213/0001-59 | Todos os direitos autorais reservados por lei.

AVISO LEGAL: A 300 TRADERS NÃO OPERA CAPITAL DE TERCEIROS E NÃO OFERECE QUAISQUER PRODUTO DE INVESTIMENTO.